logo

11/1/2017 17:58

Moreno disse que ama o Cruzeiro, mas não se esqueceu de exigir um alto salário

"Ele, caso vá para outro clube, estará abrindo mão de uma torcida disposta a apoiá-lo"

Moreno disse que ama o Cruzeiro, mas não se esqueceu de exigir um alto salário

O Marcelo Moreno (foto) disse que amava o Cruzeiro, que se sente em casa quando está na Toca da Raposa II. No entanto, não se esqueceu de exigir um alto salário, e mesmo com o clube bancando uma nota federal, ele está fazendo leilão. O Cruzeiro não pode embarcar nessa. Se precisa de um atacante, tem que buscar outra opção. A não ser que o boliviano resolva dar uma resposta positiva.

Não é só o Cruzeiro que perde diante da indecisão do Marcelo Moreno. Ele, caso vá para outro clube, estará abrindo mão de uma bela estrutura, de um time competitivo, e do mais importante, uma torcida disposta a apoiá-lo. Hoje, o porto mais seguro para o artilheiro é, sem dúvida, a Toca da Raposa II.

LUCAS PRATTO

Agora o Palmeiras diz que a pedida do Atlético pelo Lucas Pratto é alta. Só pode ser brincadeira. O mesmo clube que pede 10 milhões de euros por um zagueiro, acha caro pagar 13 milhões de euros para ter o atacante argentino. Pior que isso, desde o começo da conversa o clube paulista atropelou a ética. Fez até festinha num restaurante com a madame patrocinadora mostrando um prato. Pura provocação . Então, hoje, tenho certeza de que o torcedor atleticano pode até aceitar uma negociação envolvendo o seu ídolo, desde que ele não vá para o Palmeiras.

Houve um tempo em que o nosso futebol revelava jogadores, e até com uma certa facilidade, eles eram negociados com os clubes do Rio ou de São Paulo. A realidade hoje é outra, mesmo com o absurdo desequilíbrio entre as cotas pagas pela TV para uns e outros, o futebol do nosso estado não tem que abrir mão de bons jogadores apenas porque alguém quer realizar um capricho. E fico aqui imaginando o que essa patrocinadora espera de retorno no mercado mineiro...

A coisa no Atlético está parecendo previsão de Nostradamus: dois cabeças de área chegarão e de 3 mil não passarão. Ou seja, eles virão, mas sabe-se lá quando.

De todo jeito me agrada saber que a concentração está de volta ao Galo. Levir Culpi fez um bom trabalho, mas errou ao acabar com a presença antecipada dos jogadores às vésperas de jogos. Sinceramente, acho que muitos jogadores evoluíram, muitos sabem da importância de se preservarem. Mas muitos ainda não assumem o profissionalismo. Acham que em seus momentos de folga vale tudo. Não é bem assim.

MOMESCO OU JUNINO?

Papai Noel não trouxe o cabeça de área que o Galo precisa. E, pelo jeito, o clube corre o risco de ficar até o carnaval vivendo essa novela. Sabemos das dificuldades, mas não se pode ficar esperando até junho pela chegada de um jogador para uma posição tão importante.

Interessante é que as mesmas pessoas que falam da importância da pré- temporada, acham normal que o Roger Bernardo chegue apenas no segundo semestre. Pode parecer certo, mas está errado!

Agora falam em Anderson, que está sendo limado pelo Internacional de Porto Alegre. É aquele jogador que pode dar certo, mas que pode muita mais dar errado. Há muito não faz uma boa sequência de jogos, não gosta de cumprir um papel tático e está sendo dispensado. Com diria um amigo meu: alguma coisa ele "não" fez no clube que caiu para a segundona.

HAJA LICITAÇÃO!!!

Uma Copa do Mundo com 48 seleções. Já pensaram uma coisa dessas no Brasil. a turma iria construir mais uns 10 elefantes brancos!!!!

25302 visitas - Fonte: Superesportes


Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar!

Enviar Comentário

Para enviar comentários, você precisa estar cadastrado e logado no nosso site. Para se cadastrar, clique Aqui. Para fazer login, clique Aqui.

Últimas notícias

Próximo Jogo - Mineiro

S&# - 16:00 - Mineirão - .
Atlético Mineiro
Cruzeiro

Último jogo - Campeonato Mineiro

Seg - 20:00 - Parque do Sabiá
Uberlandia
2 2
Cruzeiro

Classificação